Amores são coisas da vida

Há exatamente 364 dias tive minha primeira desilusão amorosa 😦

Aqui vai um pedacinho dessa história:

É aquela época da vida em que você está mais distraída do que no meio de uma aula de matemática, quando você sequer pensa em alguém, no seu “principe encantado” e eis que ele surge, não como num passe de mágica ou num cavalo branco, é a pé mesmo, fazendo barulho em frente a sua casa.

Sim, é este cara, totalmente o oposto do que você SEMPRE imaginou que vem e te faz sentir borboletas no estômago e esquecer o mundo em alguns segundos. Até aqui esta é aparentemente uma história muito linda – e foi, durante alguns meses.

Ele se mostrava prestativo, carinhoso, divertido e todos os adjetivos mais lindos da gramática mundial (hahaha)… mas o tempo passou e o principe estava aos poucos se mostrando um sapo. Os carinhos tornaram-se raros; atenção? isso praticamente não existia mais, estava sozinha a beira da amargura ( exagero nivel 1000000000 hahaha).

Mas resumindo, o principe virou sapo e levou a princesa aqui, do céu ao inferno em alguns meses.

Depois da separação, durante vaaaaaarios meses as lágrimas se tornaram minhas companheiras todas as noites.

Nestas mesmas noites, eu expressava num papel toda a minha mágoa, todo o sofrimento que o mundo não podia ver…

 

vou deixar agora um pequeno paragrafo de tantas “cartas” que foram escritas para quem sabe num momento oportuno, serem entregues.

 

“[…] você me mudou tanto. Me ensinou a amar, a me importar com os sentimentos de alguém. Namorar com você foi uma experiencia de vida incrivel… eu cresci mais do que você pode imaginar, mudei. A minha mania de rir continua aqui, afinal, é uma caracteristica minha, o meu jeito torto de levar a vida… as vezes me pergunto se foi isso que te levou a partir… Será que você sentiu alguma coisa por mim? Algum sentimento puro e verdadeiro? Ou será que você só me usou esse tempo todo? O que será que fiz de tão errado? O meu jeito torto te incomodou? Me perdoa se não fiz o suficiente pra te conquistar, mas eu te amo e sempre fui extremamente sincera em cada vez que te disse isso […]”

A todo instante repito: Calma princesa! Afinal, amores são coisas da vida 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s